Você sente dores ao dirigir? Saiba como evitá-las

   Por Andrea Oliveira - Fisioterapeuta

Você sabia que a dor nas costas é uma das queixas mais comuns dos brasileiros?          

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), por conta do estilo de vida   da   população, 80% das pessoas têm, tiveram ou terão dor nas costas em algum momento da vida. Mas uma enquete com brasileiros revelou que esse número é ainda maior: 95% disseram que sentem dores nas costas.

Um dos fatores que podem causar esse problema é o jeito de dirigir, andar de moto ou até mesmo de ônibus.
Problemas como lombalgia , cervicalgia, dores articulares, dores nos membros superiores, inferiores  e problemas circulatórios, podem ser evitados com alguns ajustes no momento em que você estiver no volante.

1) Almofada no banco: Manter a inclinação normal da coluna lombar é importante para que o peso seja mais bem distribuído na região. Para isso, deixe os glúteos colados no encosto — esse, aliás, deve manter um ângulo de 90 graus com o chão. Além disso, é bom deixar uma almofada entre o banco e a parte inferior das costa. Esse acolchoado deve ser fino, com não mais do que 5 centímetros de espessura.

2) Posição dos membros superiores: Mantenha os braços semiflexionados. Afinal, deixá-los esticados por muito tempo aumenta a sobrecarga sobre o pescoço e os ombros, gerando desconforto. Portanto, nada de colocar o assento muito longe do volante.

3) Calcanhar no chão: Ajuste o assento para que seus pés, mesmo perto dos pedais, fiquem inteiramente apoiados no chão. Isso ajuda a corrigir a postura. Aí, as dores nas costas, nos ombros e nas pernas diminuem bastante.

4) Braços alongados: Aproveite a imobilidade para relaxar a musculatura, inclusive a dos ombros. É só entrelaçar os dedos e, em seguida, estender os braços, mantendo os cotovelos para fora. Também tente esticar um dos membros junto ao peito, enquanto o outro o sustenta. Mantenha essa posição por pelo menos 15 segundos. Repita com o outro braço.

5) Pescoço esticado: Está aí uma maneira de liquidar a tensão do local. É só virar a cabeça lentamente para um lado e depois para o outro, repetindo o movimento três vezes. Experimente também colocar sua mão sobre a orelha oposta e empurrar a cabeça por ao menos dez segundos.

6) Bolinhas de mão: Ao apertá-las, você ativa a circulação dos braços, além de fortalecê-los. Faça isso dez vezes com cada mão durante as paradas. Esse tipo de isometria, em que você faz força sem carregar peso, ajuda até a relaxar os ombros.

7) Dos pés para o corpo: Para melhorar a circulação e, de quebra, desenvolver a musculatura da panturrilha -, flexione a planta dos pés, como se estivesse jogando os dedos para baixo. Depois, faça o inverso, apontando o dedão para o céu. Repita isso pelo menos dez vezes a cada 30 minutos.

8) Parada na estrada: Se estiver viajando, bom mesmo é estacionar o carro em alguma parada e ficar pelo menos cinco minutos de pé. Só isso já alivia a sobrecarga na coluna. Esticar-se e, em seguida, flexionar as pernas é outro bom exercício para descontrair a musculatura.

9) Capas de banco: As capas de banco feitas com bolinhas de madeira até ajudam a diminuir a tensão sobre a coluna, desde que não façam seu corpo deslizar para lá e para cá. Aí, ao contrário, pioram tudo.

Adicionar comentário


Você está aqui: Home ARTIGOS Mov&mente Você sente dores ao dirigir? Saiba como evitá-las