Erro
  • JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 43

Alimentos geneticamente modificados

Por Dr. Manfred Krusche

O que são alimentos geneticamente transformados ou transgênicos como são mais conhecidos? Deveriam ser objeto de preocupação em relação a saúde?

Leia mais:Alimentos geneticamente modificados

Estilo de vida e prevenção

Dr. Manfred Krusche, fundador e diretor da Clínica Adventista Vida Natural, fala sobre a importância do estilo de vida na prevenção e tratamento de doenças.

O vinho faz bem mesmo?

Mocinho ou Vilão?Nos últimos anos tem aumentado o número de trabalhos científicos descobrindo que várias substâncias de uso popular consideradas por longa data como nocivas para uso regular, na realidade não são prejudiciais, mas mesmo úteis para manter uma boa saúde. 

Como essas “descobertas” são veiculadas nos meios de comunicação, tem causado confusão e indagações na mente de muitas pessoas que procuram informações fidedignas para obterem a melhor saúde possível. Para buscar uma posição mais clara sobre o assunto começaremos com o álcool sem inicialmente mencionar o vinho que tem tido mais destaque nos últimos tempos por parte inclusive da classe médica.

Leia mais:O vinho faz bem mesmo?

Notícias sobre o Infarto - parte 2

Mais importante, porém, do que tentar deter a arteriosclerose das artérias seria evitar que elas adoeçam  O custo dos procedimentos cirúrgicos  é elevado e também não impede que a doença continue o seu curso de ação. Para prevenirmos  a ação da arteriosclerose, temos que focalizar as causas que levam ao seu desenvolvimento.

O desenvolvimento da arteriosclerose está associado ao deposito localizado de gorduras que circulam no sangue, principalmente gorduras saturadas e o colesterol.. Esse acúmulo vai formando uma espécie de pequeno nódulo ou placa que cresce para dentro dos vasos e vão diminuindo o seus diâmetros.

Leia mais:Notícias sobre o Infarto - parte 2

Notícias sobre o Infarto - parte 1

Estava viajando para o sul do país quando recebi um telefonema inesperado. Passei o celular para minha esposa e pela sua reação percebi que a chamada telefônica não trazia boas noticias. De fato, estavam nos informando que um amigo nosso com quem acabara de falar antes de seguir viagem, havia tido um ataque cardíaco e nada pode ser feito para reanimá-lo. 

Meses antes havia se submetido a uma angioplastia (desentupimento das artérias coronárias e colocação de um dispositivo para evitar que se fechasse novamente). Controles recentes haviam demonstrado que estava tudo em boas condições. Mas isso era apenas aparente. A doença das coronárias continuou e não houve tempo para uma segunda intervenção. 

Leia mais:Notícias sobre o Infarto - parte 1

A gripe H1N1

Proteja-se!A gripe H1N1

Mais um evento global. Como se não bastasse crises financeiras globais, aquecimento global, aí está mais uma crise – a epidemia suína, que promete ser uma nova pandemia global. Por enquanto relativamente pequena, mas presente em todo o noticiário mundial. Enquanto se espera ver para onde ela vai discute-se de onde ela realmente veio. 

Segundo Dr. John G. Barllet, do departamento de doenças infecciosas da Jonhs Hopkins University School of Medicine, o nome politicamente correto é vírus da Influenza A H1N1.  Sua origem representa um mix genético de vírus provenientes de aves, do homem e dos porcos.  Daí o nome inicialmente dado de gripe suína. Naturalmente esse nome gerou outra reação global, a dos criadores de porcos e do seu comércio.

Leia mais:A gripe H1N1

Cafeína virou moda

Será que faz bem?

A sociedade atual anda em um ritmo frenético - informação instantânea, carros velozes, computadores rápidos e fast foods. Faz-se de tudo para se manter atualizado e acompanhar a velocidade do progresso. Muitas pessoas têm buscado energia extra ingerindo bebidas cafeinadas como o café, chás, bebidas de cola e energéticos.

No Brasil, o cafezinho ou pingado pela manhã não pode faltar para a maioria dos brasileiros. Outros já preferem os cafés mais requintados, como os da rede Starbucks, recém-chegada ao Brasil, e que conta com mais de 16 mil lojas pelo mundo. Mas, atenção, a cafeína tem mais efeitos negativos do que você imagina...

Leia mais:Cafeína virou moda

Dormir é perda de tempo?

Dormir tardeVocê dorme bem? Provavelmente, não, de acordo com os resultados de uma das maiores pesquisas brasileiras já realizadas sobre o sono. Em julho de 2006, cerca de 43 mil pessoas participaram do estudo durante a 2ª Semana Brasileira do Sono. Os resultados revelaram que 44% dos brasileiros não dormem bem, 31% têm alguma dificuldade para dormir, 52% dormem pouco e acordam cansados, 42% se sentem sonolentos durante o dia, e 28% roncam.

Com tantas obrigações e preocupações que a vida moderna traz, dormir ficou em segundo plano. Alguns pensam que dormir é perda de tempo. Outros querem dormir melhor, mas não conseguem. Trânsito, televisão, cinema, internet, filhos e dupla jornada de trabalho são alguns dos inimigos de uma boa noite de sono.

Leia mais:Dormir é perda de tempo?

O Sol: mocinho ou vilão?

Deixe o sol iluminar a sua vida!

Até pouco tempo atrás, quando pensávamos em desfrutar um bom dia de sol na praia com família e amigos, logo vinha à mente todos os aparatos necessários: guarda-sol, brinquedos, uma bola e, para se proteger do sol, o tão usado hipoglós. Quem é que não tem nos bons e velhos álbuns de família aquela foto com o hipoglós no rosto?

Mas as coisas mudaram e hoje em dia quando se pensa em ir à praia, a primeira coisa que nos vem à mente é: E o protetor solar? Fator 30, 50, 70, os bloqueadores solares aumentam cada vez mais, não só no FPS, mas também no preço. Mas de onde surgiu todo esse medo do sol?

Leia mais:O Sol: mocinho ou vilão?

A dieta definitiva

Ao longo dos últimos anos, a importância de alcançar o peso ideal tem se tornado muito evidente. Esta preocupação é válida, haja vista a quantidade de doenças relacionadas à obesidade, como diabetes, pressão alta, câncer, colesterol elevado, dores musculares e articulares, apnéia de sono, etc.

Entretando, muitas pessoas bem intencionadas desejam perder gordura, mas não sabem como. Testam várias dietas mas, a longo prazo, descobrem que não conseguem efetivamente manter o peso ideal. Algumas tentam dietas da moda que prometem perda significativa em pouco tempo. Apesar de funcionar inicialmente, essas dietas têm um ponto em comum: data para começar e terminar. Toda a perda realizada durante a dieta vai por água abaixo quando ela termina.

Leia mais:A dieta definitiva

Você está aqui: Home ARTIGOS Ponto de vista